18 de jun de 2015

Abaixo Assinado em prol do Teatro e Centro de Convenções, alcançou 700 assinaturas no primeiro dia

Ari Rodrigues e Dr. Andirlei Nascimento, coordenam o Movimento

Aconteceu na manhã de hoje (18 de Junho), o lançamento oficial do Abaixo Assinado, que visa colher 100.000 assinaturas pedindo a retomada imediata das obras do Teatro Municipal e do Centro de Convenções de Itabuna, que será entregue, junto com uma petição, ao governador Ruy Costa dentro do prazo de 90 dias.
A ideia de promover o abaixo assinado, foi do advogado Iruman Conteiras, durante a última Audiência Pública realizada pela a OAB e a ACATE na Câmara Municipal de Itabuna.
Diversas instituições estão apoiando o movimento. Além das duas idealizadoras, também o SIMPI, a AGRAL, o G-AR, o Fórum de Cultura Itabunense - FDCI, o Clube dos Poetas do Sul da Bahia, o GACC, o PMDB de Itabuna, dentre outras.
O objetivo principal do movimento é sensibilizar o governo do estado, na pessoa do governador Ruy Costa, fazendo-o enxergar que se não for ele quem vai terminar a obra, será ele que vai demoli-la, cabendo a ele próprio o estigma de ser o governador que destrói teatros, relatou Ari Rodrigues ao nosso blog.
Ari falou também de como o grupo pretende conseguir as 100.000 assinaturas. Segundo ele, a atual presidente da ACATE, Eva Lima, teve a ideia de expandir para os 26 municípios que compõe o território Litoral Sul da Bahia, através do Fórum de Agentes, Empreendedores e Gestores Culturais do Território Litoral Sul da Bahia - FAEG-SUL, instituição que ela faz parte da diretoria e que será convidada oficialmente a participar da campanha, no sentido de convocar os agentes dos 26 municípios para abraçarem a causa, e colherem assinaturas nas suas respectivas cidades.  Já o presidente da OAB, Andirlei Nascimento, informou que o grupo estará em bairros distintos de Itabuna, em praças públicas, com estrutura para receber a população e conscientizar a todos a necessidade da conclusão deste equipamento, que além do desperdício de dinheiro público que é uma vergonha para nós, a falta de espaços que fomentem a cultura e gerem receita para o município a exemplo do centro de convenções também é um agravante.
A equipe deve permanecer no stand do CDL até amanhã (sexta,19), de onde seguirão para local previamente agendado e exaustivamente divulgado.

Foto: Junhior Padovan

Nenhum comentário: